Meu Sócio, Meu Amigo - Como Evitar Atritos Societários - 12 - Conquiste seu Sócio

Imprimir
Categoria: E-book

CONQUISTE SEU SÓCIO

Sua empresa vai bem? Ótimo. Mas continue conquistando o seu sócio.

Seja agradável com ele como se fosse convidá-lo para uma nova empreitada.

Você será o beneficiário direto, quando unido com os seus associados, todos livres de implicâncias gratuitas.

Não se deixe levar por críticas a ele feitas por terceiros. Há pessoas que não se conformam, intimamente, com a felicidade alheia. Isso as incomoda.

Permita-me o leitor fazer, mais uma vez, pequena comparação entre a sociedade conjugal e a sociedade para negócios.

Digo pequena comparação em atenção à crítica formulada por Renato Bernhoeft quando diz que Sociedade não é casamento. Comparada muitas vezes com a relação conjugal, a sociedade é um vínculo com características muito diferentes. No casamento existe o afeto, que muitas vezes dificulta, mas também ajuda a resolver certas adversidades. Na sociedade, o que existe é um interesse comum em torno de resultados muito tangíveis.

Mesmo atento à objeção desse prestigioso consultor, a lembrança conjunta desses dois contratos jurídicos facilita a explicação aqui intentada. O empresário quase sempre vivencia pessoalmente os dois tipos de união e reconhece as diferenças. Após esta intrometida explicação, continuo.

Quando os cônjuges se tratam como amantes, verdadeiros parceiros, compromissados uns com o outro, eles se perdoam mutuamente nas faltas eventuais; são condescendentes até nas desarmonias.

São partícipes da vida em comum.

E a família vai muito bem.

Da mesma forma, na vida societária componentes respeitosos se ajustam nos momentos de incertezas negociais; colaboram reciprocamente e perseguem com afinco os objetivos.

E a empresa vai muito bem.

G. Kinsgley Ward, empresário americano, escrevendo a seu filho, também seu sócio, confessou:

Nossa sociedade comercial prosperou graças a muito trabalho e amor.

Até por inteligência e em benefício próprio, cada qual pense e aja em função do seu parceiro e recebam todos os louros da vitória no mercado, usufruindo da finalidade precípua que é a obtenção do LUCRO.

RESUMO DO TEMA

CONQUISTE SEU SÓCIO

Conquiste seu sócio, sendo-lhe agradável

Não aceite crítica gratuita de terceiros

Na sociedade conjugal os cônjuges se tratam como amantes e são
condescendentes

Na vida societária, componentes respeitosos perseguem os objetivos
sociais

Agir em função do parceiro e usar da inteligência para receber a vitória  no mercado

---------------

Próxima edição:

Meu Sócio, Meu Amigo - Como Evitar Atritos Societários - 13 - 01/02/2012

- Curso para Sócio

Período de publicação: a partir de 01 de fevereiro de 2012

Contato

Nívio Terra - Advogado de Negócios e Consultor Pessoal
nivio@PortaldoSocioedaSociedade.com.br
nivio@terracpe.com.br

Credite a fonte

O CONTEÚDO DO PORTAL DESPERTOU INTERESSE, COPIE, MAS CREDITE A FONTE. SUA ÉTICA SERÁ O FISCAL DESTE PEDIDO.
Copyright 2011 Meu Sócio, Meu Amigo - Como Evitar Atritos Societários - 12 - Conquiste seu Sócio - Joomla